segunda-feira, 7 de junho de 2010

De LA a San Francisco de carro - Pé na estrada!

Com o carro pronto para cair na estrada pegamos a famosa California 1 rumo ao Napa Valley, paraíso dos vinhos californianos. Deixamos Los Angeles passando mais uma vez por Santa Mônica e seguimos per Malibu Beach até Santa Barbara, o refúgio cult dos moradores da metrópoli.






Uma cidade com muita história, pois foi uma das missões espanholas, berço da colonização da Califórnia. Para conhecer melhor essa história visitamos um pequeno museu chamado Casa de La Guerra, que funciona onde foi . A entrada nem precisava ser gratuíta, pois a exposição vale mais do que a doação que é muito bem vinda. Trajes típicos dos colonizadores, retratos dos primeiros moradores da região, objetos históricos que pertenceram a elite local. Ainda existem outros sítios históricos que não deu tempo de explorar.



Uma delícia passear nessa cidade charmosa e adimirar as construções históricas. Até o Mc Donalds não tem placa gigante ou neon... tem que se adaptar as regras locais de conservar o estilo original da cidade! Pena que durou pouco, precisavamos seguir viagem...



Passamos por outras cidades menos importantes até chegar na costa maravilhosa que faz cada Route 1 uma das mais famoasas dos EUA. Em cada ponto de observação espalhado pela rodovia vale a parada, a foto e o vento gelado do pacífico. Nesse trajeto fica a mansão Hearst Castel, contruída pela magnata da mídia que inspirou o personagem do filme Cidadão Kane. Tentamos visitar, mas chegamos depois da última escursão do dia (3h20 da tarde). Então, se resolver visitar o castelo, confirme antes os horários das escursões.

Saindo do castelo, que só pela vista já dá para entender porque contruir um verdadeiro palácio neste lugar. O visual é lindo e a orla cheia de focas que descançam tranquilas nas pedras que dão forma para a costa junto com os imensos penhascos que tornam a route 1 um caracol sem fim. Em alguns pedaços da rodovia é necessário dirigira a 30, 40 km/h. São tantas curvas que só não cansam motorista e passageiros, porque depois de cada curva descobrimos uma paisagem ainda mais bonita que a anterior.



No final da tarde chegamos ao nosso destino, Monterey, um balneário de pesca e área de presevação marinha. Outra cidade escolhida para começar o meu aniversário no maior estilo. Escolhemos para essa noite um hotel mais banaca pelo Hotwire, pagando um pouquinho mais caro que os demais, mas valeu a pena. O hotel era um sonho... uma suite imensa, com vista para a praça que marca o início da Canary Road, um dos pontos turísticos da cidades.


Depois de descobrir todos os mimos do hotel fomos jantar em um restaurante chinês para abrir as comemorações do meu aniversário. Comemoros uma camarão spice de entrada, delicioso, mas apimentado demais. Para acompanhar pedi uma degustação de vinhos, para começar a conhecer as delícias da região. Como só eu podia beber, fiquei só na degustação.


Seguimos com um macarão oriental bem simples, não queriamos arriscar mais. A fome já tinha batido depois de uma dia de comida de estrada. Mas o simples é sempre bom e assim fechamos a noite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou? Tem uma história sobre o assunto? Comente aqui: