segunda-feira, 3 de maio de 2010

Las Vegas não! Memphis, baby, Memphis!

Ai, ai, imprevistos são isso. IMPREVISTOS! A caminho de Las Vegas fizemos uma escala em Memphis, Tennesse. Escala, normal... o problema é quando você está indo na direção de um alerta de Tornado! Foi isso que aconteceu conosco ontem... nosso vôo atrasou pois tinha um tornado bem na nossa rota e o piloto teve que contorná-lo para pousar em Memphis por trás do tornado. Com isso nosso vôo teve um atraso de meia hora e acabamos perdendo o vôo para Las Vegas.

Isso mesmo! Perdemos nosso vôo mas ganhamos uma noite emocionante na capital do blues e mais um imã para nossa geladeira . Essa aventura começou com a troca de vôo, fomos acomodados em um vôo na manhã de hoje e recebemos nossos vouchers de hotel e alimentação (existe uma lei no EUA que obriga às companhias aéreas a providenciar acomodação, transporte e alimentação nestes casos, mas assim como no Brasil, dizem por aqui que eles não gostam muito). Fomos acomodados no Radisson que fica na pista de pouso, ou quase! Abrimos a nossa janela e avistamos um grande avião da Fedex. Na sequência fomos surpreendidos com um grande homem negro na nossa porta perguntando sobre um vazamento no quarto, não havíamos notado ainda, mas o carpete estava encharcado. Fomos acomodados em outro quarto, esse tinha uma vista melhor e quase nenhum barulho.

Para começar a diversão seguimos para o restaurante indicado pelas atendentes do hotel, Marlowe’s. Eles nos buscaram no hotel em um Cadilac 1989, rosa, como o porquinho mascote do local. Chegamos a um lugarzinho tipicamente sulista, cheio de estilo e com uma comida tradicionalmente deliciosa. Começamos com uma salada simples tentando diminuir o saldo de calorias do jantar, seguimos dividindo uma batata assada coberta com um delicioso queijo cheddar e costela de porco desfiada ao molho barbecue. Estava muito gostoso, mas nada se compara a torta de noz pecan, com sorvete e creme, uma especialidade do Tennesse, que foi uma surpresa maravilhosa.
Todos que conversamos nos falaram sobre a Beale Street, a atração local onde o blues é o único som que se escuta. Já que estávamos ali não poderíamos perder essa oportunidade. Negociamos um transfer com um taxista do hotel e fomos para a rua do Blues onde estava acontecendo o maior evento do calendário local, o Beale Street Music Festival. Foi muito divertido ver as pessoas dançando, cantando e bebendo pela rua, um festival de cores dançando um mesmo ritmo! A emoção começou quando a rua começou a ficar estranhamente vazia e com a presença de muitos carros de polícias. Seguimos então para o famoso bar Coyote Ugly, onde as garotas dançam e cantam no balcão, exatamente como no filme. Estamos começando a gostar do local quando anunciaram um alerta de tornado e informaram que ninguém poderia entrar ou sair do bar. Fomos direcionados para os fundos do bar e aguardamos até que o perigo passasse, não dava para ver muita coisa, mas o que podíamos ver pela TV foi realmente assustador. Um vento terrível e uma chuva que alagou muitas partes da cidade. Para nossa sorte o alerta passou tão rápido quanto começou e conseguimos sair do bar a tempo de pegar nosso transfer de volta para o hotel. Aproveitamos nossa noite de sono na cama que se regula eletronicamente ao seu corpo. Com um controle remoto você ajeita a elevação entre as costas e o quadril para seu melhor conforto! Só essa frescurinha oferecida pelo hotel para nos dar uma noite de sono decente, mesmo com a ameaça de uma sirene de alerta de tornados nos acordar durante a noite.

Nossa manhã começou tranquila seguindo para o aeroporto bem em frente ao hotel para pegar nosso vôo, antes de entrarmos no avião aproveitamos o voucher de refeição que a Delta nos deu para tomar um delicioso café da Starbucks. Seguimos para nosso portão de embarque onde tivemos a feliz surpresa de estar acomodados na primeira classe! Isso mesmo, além de ganhar uma noite divertidíssima em Memphis e conhecer o melhor do blues e esconder-se de um tornado, voamos para Las Vegas, aproveitando as mordomias da primeira classe! Hasta Las Vegas Baby!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou? Tem uma história sobre o assunto? Comente aqui: